sexta-feira, março 11

Libia

Líbia

Os protestos populares que derrubaram longos governos na Tunísia e no Egito se espalharam pelo mundo árabe. Na Líbia, o governo de Muammar Kadafi tomou medidas extremas para conter os manifestantes, a quem chamou de “ratos e mercenários”. A internet e a energia foram cortadas em algumas regiões para dificultar a mobilização popular, também repreendida por uma série de execuções comandadas por militares e matadores contratados pelo governo. Apesar das poucas informações confirmadas, vídeos amadores compartilhados em redes sociais comprovam a brutalidade da repressão ao exibirem dezenas de mortos, sepultamentos em massa e cenas que evidenciam o clima de terror dos últimos dias. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário